O EVANGELHO PROFANADO - Parte 2

A Casa de Deus

 Marcos Alexandre Damazio

“Mas o Altíssimo não habita em templos feitos por mãos de homens, como diz o profeta: O céu é o meu trono, e a terra o estrado dos meus pés. Que casa me edificareis? diz o Senhor, Ou qual é o lugar do meu repouso?” Atos 7:48,49.

Quando falamos de casa de Deus, logo nos vem em mente aquelas pessoas que passam em frente a uma igreja e fazem o sinal da cruz em reverência à casa de Deus, mesmo que seja um templo dedicado a São Mateus, Maria ou outro ‘santo’ qualquer.

Mas, mesmo entre os evangélicos sabemos que há uma vinculação do templo feito por mãos humanas com a casa de Deus. Em algumas denominações evangélicas não se pode entrar no templo de bermuda porque ali é a casa de Deus, segundo estas denominações.

Até hoje eu ouço pessoas afirmando que o templo de igrejas é a casa de Deus. Mas, sabemos que Deus não habita em templos construídos por mãos humanas. 

“Alegrei-me quando me disseram: Vamos à casa do Senhor.” Salmos 122:1

Este é um texto muito famoso, e por causa dele muitas pessoas alegam que o templo é a casa do Senhor.
Jesus nos alertou a não colocar vinho novo em odres velhos (Marcos 2:22). A Antiga Aliança era apenas a sombra do que seria revelado na Nova Aliança, portanto, o bode expiatório era um tipo de Cristo, o véu do templo significava a separação entre Deus e o homem por causa do pecado, e o templo simbolizava o próprio homem (Hebreus 10:1).

Aquele local físico onde santos se reúnem não é a casa de Deus, pois este é um conceito do Antigo Testamento. No Novo Testamento, Deus habita em cada um de nós, fazendo morada em nossos corpos regenerados por Ele mesmo. Então, não existe esse negócio de prestar reverências ao templo, pois o Deus vivo não habita nele. O verdadeiro templo é o corpo do homem salvo, e o altar é o nosso coração.

Veneram o templo e seu altar como se fossem sagrados. Pessoas são consideradas indignas, e por isso impedidas de subirem nos "altares" dos templos. 
Ou não sabeis que as pessoas são maiores do que esses templos e altares feitos por mãos de homens pecadores e também indignos. 
As casas de Deus são os nossos corpos, e os altares são os nossos corações. Por isso Deus diz: "Filho meu, dá-me o seu coração" (Provérbios 23:26).

Uma música evangélica famosa dizia: “Quando eu cheguei aqui meu Senhor já estava”.
Engana-se o autor da música, pois num conceito restrito Deus chegou junto com o autor da música por habitar nele. Já num conceito mais amplo, Deus é onipresente, e assim pode estar em vários lugares ao mesmo tempo.

SE NÃO É A CASA DE DEUS POR QUE EU TENHO QUE IR AO TEMPLO?

Há outra canção evangélica muito famosa que diz:

1- O que vieste fazer aqui? Eu vim para adorar a Deus!

Esta colocação foi feita a Jesus há mais de 2000 anos. Observem a resposta de Jesus:
“Nossos pais adoraram neste monte, e vós dizeis que é em Jerusalém o lugar onde se deve adorar. Disse-lhe Jesus: Mulher, crê-me que a hora vem, em que nem neste monte nem em Jerusalém adorareis o Pai. Vós adorais o que não sabeis; nós adoramos o que sabemos porque a salvação vem dos judeus. Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem. Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade.” João 4:20-24
Jesus disse que Deus é espírito. Portanto, como tal, Ele deve ser adorado em espírito e em verdade, ou seja, interiormente, e isto não requer um lugar específico.

Jesus foi ainda mais objetivo em sua resposta quando disse que nem no monte e nem em Jerusalém (no templo) adorareis o Pai.
Sendo assim, um templo feito por mãos humanas não é o lugar para a adoração ao Deus vivo.

2- O que vieste fazer aqui? Eu vim para buscar a Deus!

“Não há ninguém que entenda; Não há ninguém que busque a Deus.” Romanos 3:11
Não há quem busque a Deus. Nem um sequer.
Ora, muitos alegam que a Bíblia diz para buscar ao Senhor enquanto se pode achar. No entanto, este é mais um conceito do Antigo Testamento, embora o texto citado acima também está reproduzido no Antigo Testamento.
A dificuldade se dá ao negarmos a reconhecer que é Deus quem toma a iniciativa de tudo. Acabamos de ler que Jesus disse que os verdadeiros adoradores são aqueles que adoram em espírito e em verdade. Mas, não são eles que buscam a Deus para adorá-lo. Ao contrário, Jesus disse que é Deus quem os procura.
Quem buscou Abrão? Quem buscou Davi? Deus ainda disse que havia achado a Davi (Atos 13:22). Isto significa que é Deus quem busca.
“Porque o Filho do homem veio buscar e salvar o que se havia perdido.” Lucas 19:9-10.
Quando o homem busca a Deus, ele deve reconhecer que é Deus quem opera no homem tanto o querer buscar a Deus como a própria busca em si.
“Porque Deus é o que opera em vós tanto o querer como o efetuar, segundo a sua boa vontade.” Filipenses 2:13

3- O que vieste fazer aqui? Eu vim para buscar poder!

Sinto muito decepcioná-lo. Mas, o homem não tem poder. Todo poder pertence a Jesus, e nunca foi dito que Ele daria um pouquinho a homem algum.
“E, chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É-me dado todo o poder no céu e na terra. Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo.” Mateus 28:18,19.
Observem que depois de afirmar que havia recebido todo o poder no Céu e na Terra, Jesus usa a conjunção “portanto”. Esta palavra significa que o ide e fazei discípulo seria sob este poder. É neste poder que somos enviados, pregamos, fazemos discípulos e batizamos.
Portanto, você não precisa buscar poder porque todo o poder no Céu e na Terra já está disponível ao homem.

4- O que vieste fazer aqui? Eu vim para orar a Deus!

“Mas tu, quando orares, entra no teu quarto e, fechando a tua porta, ora a teu Pai que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará publicamente.” Mateus 6:6.

Jesus nos ensinou como devemos orar, e também nos ensinou onde devemos orar. Devemos orar a Deus em nosso quarto ou em nosso aposento com a porta fechada. Assim, o templo construído por mãos humanas não é o lugar adequado para orarmos.
A oração é um momento que passamos a sós com Deus, onde podemos nos desnudar diante dEle, e conversar abertamente com Deus.

Alguns podem argumentar que a Bíblia nos manda orar em todo tempo sem cessar. Mas, orar sem cessar é diferente de entrar no quarto e orar com a porta fechada.


ENTÃO NÃO É NECESSÁRIO IR AO TEMPLO?

"E todos os que criam estavam juntos, e tinham tudo em comum." Atos 2:44

Na verdade, temos várias razões para irmos ao templo. Mas, nenhuma delas por causa de Deus.

1-      Devemos ir ao templo para comungar com os nossos irmãos;
2-      Devemos ir ao templo para ajudar os irmãos mais necessitados;
3-      Devemos ir ao templo para interceder por nossos irmãos;
4-      Devemos ir ao templo compartilhar dons espirituais;
5-      Devemos ir ao templo dar testemunhos;
6-      Devemos ir ao templo ouvir a palavra de Deus;
7-      Devemos ir ao templo estudar a palavra de Deus;
8-      Devemos ir ao templo participar da ceia;
9-      Devemos ir ao templo fortalecer os irmãos fracos na fé.


"E perseveravam na doutrina dos apóstolos, e na comunhão, e no partir do pão, e nas orações." Atos 2:42

Resumindo, vamos ao templo apenas para ter comunhão com nossos irmãos em Cristo.


Nenhum comentário: